top of page

Resenha: Testei 5 protetores solares para peles oleosas

Recentemente eu contei que fui ao dermatologista e descobri que minha pele (de só 34 aninhos) está dando sinais de uma pele madura.


Bom, nada que um sustinho pra acabar com a enrolação e começar a saga em busca de um protetor solar decente que eu consiga usar todos os dias. Digo saga porque normalmente eu tenho um Nivea ali na gaveta que eu odeio, porque deixa minha pele oleosa e me dá acnes, e usava só quando tinha que sair durante a tarde (nem sempre) dia, ou aos finais de semana para fazer um cardio (o que nem sempre acontece tbm). Resumo, eu usava uma ou duas vezes por mês só ... me julguem :(


Mas eu sempre soube da importância de um protetor solar e sempre me culpei por ficar deixando a consulta ao dermatologista para pedir uma indicação coerente depois.


Acontece também que a luz visível, emitida pela tela desse mesmo computador de onde eu escrevo esse post, do meu celular e as lâmpadas da casa, estão sobre a gente 24 por 7 praticamente, além da luz solar entrando pela janela.


Então, inspirada pelos 5 saches de amostra que recebi do médico, iniciei minha saga de testes, observei como minha pele reagia a cada um, sensorial, perfume, espalhabilidade, em fim, cada detalhe e abaixo vou deixar uma breve resenha, com as anotações que fiz, para te ajudar a escolher e decidir o seu.


Ps: Lembrando que minha pele é oleosa e todos os que eu testei são Oil Free, indicados para o meu tipo de pele.


Lista de protetores que testei


Actine Ultra Oil Control 80, da Darrow


Prós

  • Ele tem pigmento, ou seja é um protetor solar com cor. Deve ser Color Adapt (quando o produto se adapta ao seu tom de pele) pois parecia bem mais claro que a minha base e após espalhar minha pele não ficou mais clara.

  • O laboratório Darrow não testa em animais.

  • É bem fluido e espalha muito bem.

  • Hidrata bem a pele, deve ser bom para usar no inverno, quando a nossa pele precisa de uma hidratação extra. E essa característica também nos leva ao primeiro contra:

Contras

  • O controle de oleosidade não é 100%. Não fica aquela pele sequinha, após suar um pouco senti a pele ainda bem úmeda com o produto, diria que o controle é 6/10.

  • Tem um cheiro extranho. Lembra pincel de maquiagem sujo.


Capital Soleil UV-Purify 70 Antioleosidade 3 em 1, da Vichy


Prós

  • Toque seco e controle de oleosidade 10/10. Manteve a minha pele sequinha durante o tempo todo.

  • Tem um cheiro bem agradável, de pele limpa.

Contras

  • Fez surgir acnes no dia seguinte e isso a´pos usar ele um dia só. Postei isso nos stories e algumas pessoas responderam que tiveram o mesmo efeito.

  • É bem branco e demora um pouquinho para sumir na pele. Na minha pele senti que ficou meio branca e minha pele é morena tom claro, então, peles peles negras podem ter mais dificuldade.

  • Individualmente a Vichy não testa em animais, mas a marca pertece à L’Oreal, que testa.

Nem pró nem contra

  • Tem uma espalhabilidade razoável, mas se usar sobre a pele seca, dificulta, o que não é ruim, isso provavelmente se deve ao seu perfeito efeito toque seco que ele oferece, então é bom hidratar a pele antes de usar ele.

Neostrada Minesol 70 Oil Control, da Jhonson & Jhonson


Prós

  • Achei o controle de oleosidade que ele oferece bem eficiente. Diria que 10/10.

  • Hidrata a pele muito bem sem deixar ela brilhando ou oleosa, (e essa característica me deixou intrigada, visto a experiência com o da Vichy)

  • Sensorial muito bom e gostos de espalhar.

  • Bem cheiroso 10/10.

Contras


  • Não encontrei informação específica sobre a Neostrata testar ou não em animais, mas a marca pertece à Jhonson & Jhonson que ainda testa algumas de suas marcas e linhas, em animais.

Mat Perfect Fluido Antiacne 60 , da Avène (foi meu preferido)

Prós

  • Toque seco dele é perfeito tambem, achei 10/10

  • Não causou cravos e ainda percebi que alguns cravinhos que tinha, secaram mais rápido

  • Um cheiro bem gostos, de pele limpa.

  • Não testa em animais.

Nem pró nem contra.

  • Ele é bem aderente, provavelmente por causa do controle de oleosidade ser bom, então se usar com a pele seca, acho que pode até gerar atrito. Como eu tenho a pele bem oleosa eu amei essa característica, pois parece que ele vai absorvendo a oleosidade já enquanto espalha. Recomendo usar um hidratante logo antes de passar ele, melhora e facilita muito para espalhar e hidratação nunca é demais!

  • Ele é branco, de deixa a pele branca logos apóas a aplciação, mas absorveu e sumiu bem rápido.

Episol Sec Oc 60, da Mantecorp


Prós

  • ‌O perfume dele eu achei 10/10, lembra um pouco a maçã verde.

  • É um creme bem denso, bem encorpado e achei fácil de espalhar.

  • Controle de oleosidade eu diria que é um 9/10, deixa a pele sequinha, mas bem sedosa e hidratada.

  • Mantecorp não testa em animais e os protetores da linha Episol não possuem ingredientes de origem animal. Acontece que eles pertencem a Hypera Pharma que testa os medicamentos que fabrica, ao meu ver nesse caso é relativo. Vai de cada um.

Nem pró nem contra

  • Ele é bem encorpado e bem branco, deixa a pele muito branca logo que você aplica, até me assustei, mas absorveu super rápido e dentro de um minuto já não aparecia mais.

Qual foi o meu preferido?


Os meus preferidos foram os dois últimos, o Mat Perfect Fluido Antiacne 60, da Avène e o Episol Sec, da Mantecorp, mas pela praticidade de ter uma cobertura de base e por contar com a proteção extra que o proteor pigmentado oferece contra luz visível vou optar por comprar o da Avène ♥


Se você já usou ou usa algum desses conta pra mim aqui nos comentários qual sua opinião. Vou adorar saber!

コメント


bottom of page